terça-feira, abril 11, 2006

Abaixo-assinado sobre o último transporte para o Porto.

Um grupo de utentes que usualmente toma o último transporte da Póvoa para o Porto, fez-nos chegar a sua pretenção para que seja alterado o horário do mesmo.

Com efeito, o último parte da Póvoa de Varzim às 00:15h o que dificulta a vida a todos e todas que trabalhando por turnos, que saem à meia noite dos seus trabalhos.

Como a paragem da Póvoa fica a sul do concelho, é impossível para muitos (as) chegarem a tempo de apanharem este transporte, aliás o único a estas horas.

Como o Metro é um serviço público, e recebe comparticipação do Estado, tem obrigação de fazer um serviço social e assim o de suprir as necessidades destes cidadãos-utentes.

A pretenção destes utentes que fizeram um abaixo-assinado que já entregaram na empresa do metro, é de que o último transporte parta às 00:45h permitindo que aqueles possam após o seu trabalho, tomar banho, acabar algum serviço que tenham em mãos e deslocar-se das zonas mais afastadas, por exemplo da marginal, para a paragem.

Esta pretenção justifica-se plenamente em nosso entender, até porque a falta de um transporte para além das 00:30h é limitativo quer da diversão e lazer nocturno, de que a Póvoa muito vive em especial no Verão, quer no recrutamento de mão de obra para, entre outras actividades, a indústria hoteleira.

O Metro bem poderia ser uma alternativa de transporte para todos e todas aqueles que tendo bebido uns copos a mais, pretendem regressar as suas casas tranquilos e sem porem a sua vida e a dos outros em risco. As vantagens para a EMP poderão ser limtadas, mas para o país podem ser consideráveis.

A CULP associou-se já a esta pretenção junto da EMP, tendo nos sido comunicado que o assunto foi reencaminhado para os serviços respectivos para análise.

Esperamos que a EMP considere a rectificação do horário


5 comentários:

CÁ FICO disse...

Posso dizer-voa ainda que no tempo das automotoras deixei de ir às reuniões que tinha na Casa do Desporto ao Estádio do bessa na boavista, pois sempre que chegava à antiga estação da Avenida de França (hoje estação Casa da Música)já tinha partido o comboio da meia hora da manhã e eu ficava ali sem transporte...Não se justifica...Eu sei que após as oito da noite o Porto é um Deserto... nem sequer há cafés abertos nem nada...e avida nocturna começa lá para as quantas..mas, quem tem reuniões partidárias e desportivas,ou até outras actividades e reuniões profissionais, debates, palestras,ou educacionais ou de promoção e cultura, que se realizam à noite e nos diversos locais apropriados que a cidade do Porto proporciona vê-se impedido de o fazer por causa horário da meia hora...a agravar tudo isso todos sabemos que os parques de estacionamento automóvel fecham á meia noite...

JCNunes disse...

Hoje lancei a mim próprio um novo desafio, e resolvi partilhá-lo com outros bloggers (da Póvoa, ou não), fotógrafos (amadores ou profissionais), ou a qualquer outra pessoa!

Criei um novo blog:

PÓVOA EM IMAGENS

A ideia é simples, e penso ser nova, pois não conheço um blog semelhante entre os blogue da Póvoa mais famosos: criar um blog exclusivamente para publicar fotos (de qualquer tipo) e quem sabe até pequenos videoclips da nossa terra. Uma paisagem, um monumento, um retrato, algo que está bem ou está mal, fotos antigas digitalizadas, … Vale (quase) tudo desde que seja tirado na Póvoa!

Para isto conto com a colaboração de todos… Para colaborar enviem as vossas fotos para povoaemimagens@gmail.com, e estas serão seguramente publicadas caso satisfaçam os requisitos do blog. Não haverá censura.

Quem já estiver familiarizado com estas andanças dos blogs pode também enviar-me uma pequena mensagem caso deseje ser também colaborador deste blog e postar directamente fotos, gostava que este blog não fosse só “meu”, e que muitos dos célebres bloggers poveiros, que certamente têm também algum gosto pela fotografia, fossem colaboradores. Quem sabe se juntos não fazemos do blog mais uma referência entre a blosféra poveira:)…

Fico a aguardar os vossos contactos…

biZarre disse...

ora bem, o meu carro foi assaltado durante a tarde de 2ª no estacionamento do metro em mindelo. podiam dizer-me se a Metro tem alguma responsabilidade? penso que não, mas gostava de lhes perguntar como é que querem fazer com q as pessoas deixem os carros no estacionamento e optem por transportes publicos, se não lhes é garantida um minimo de segurança. obrigado

Pacheco Ferreira disse...

Então ?

Acabaram as renvindicações?

Já não se escreve?

Comissão de Utentes da Linha da Póvoa disse...

Infelizmente não acabaram.

Mas tem razão quanto ao nosso 'desaparecimento'.

Os nossos afazeres familiares e profissionais ficaram um pouco para trás devido ao período mais intenso de actividade antes e depois da entrada em funcionamento do Metro, e agora necessitamos de colocar em dia algumas coisas.

Mas não estamos parados.

Prova disso é a reunião que damos agora conta.

É bom termos utentes atentos e exigentes, assim sabemos que podemos deixar-lhes a pasta com a certeza de que ficará bem entregue.